II Simpósio Internacional
Network Science


06 e 07 de novembro de 2018     —     Local: Auditório do MPRJ     —     Av. Mal. Câmara, 370

O Evento
 
Ver o mundo em termos de redes é uma habilidade imprescindível no século XXI, onde a hiperconectividade já é lugar comum em todos os setores produtivos.
 
Em 2018, o II SINS destaca a Complexidade e a Competitividade sob o enfoque colaborativo da Ciência das Redes.

Investigar as tendências e o impacto da Network Science (Ciência das Redes), Open Data (Dados Abertos) e Blockchain (Plataformas das Redes)  é o objetivo do II Simpósio Internacional Network Science, que vai acontecer nos dias 06 e 07 de novembro no Rio de Janeiro.
 
Com abrangência internacional, o evento abre espaço para que pesquisadores, professores, alunos de pós-graduação, profissionais da área tenham acesso ao debate sobre ciência das redes e ferramentas de análise estratégica de dados.
 
Por ser um campo interdisciplinar, a Network Science estuda teorias e modelos nas mais diversas áreas do conhecimento, como matemática, estatística, mineração de dados e estrutura social. Redes tecnológicas, redes de computadores, redes biológicas, redes cognitivas e semânticas e redes sociais são alguns dos objetos de estudo.

Chamada de Trabalhos

Temáticas:
Os trabalhos, em forma de estudo de caso e artigo científico, devem estar relacionados a uma das cinco temáticas:
1. E-science e Dados abertos
2. Big Data
3. Ciência das redes
4. Gestão do Conhecimento
5. Ativos Intangíveis
6. Blockchain e suas aplicações
Submissão de Artigos: até 20/09

Dia 06 de novembro (terça-feira)

9:00 – 9:20 – Credenciamento

9:20 – 9:30 – Abertura do Evento
Marcos Cavalcanti – Crie (COPPE/UFRJ)

9:30 – 10:45 – Conferência de Abertura
Para onde nos leva a sociedade das redes? – Joaquim Fialho (Investigador integrado do Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais – CICS.NOVA (Universidade Nova de Lisboa). Professor no Departamento de Sociologia da Universidade de Évora (Portugal)

10:45 – 11:00  – Coffee-break/networking

11:00 – 12:40
I Painel – Redes e Conhecimento
Big data e otimização da gestão dos sistemas de ensino  Ricardo Henriques (Instituto Unibanco)
Censos: Redes de Cooperação – Luciana Prazeres Scheufler (IBGE)

12:40 – 14:00 – Intervalo para almoço

14:00 – 15:40
II Painel – Controle versus Liberdade na divulgação da informação
Direitos digitais – Eduardo Magrani (Coordenador de Direito e Tecnologia Instituto de Tecnologia e Sociedade do Rio de Janeiro (ITS)
O significado, a influência e a verdade nas mídias digitais –Sérgio Lutav (Doutor em cultura contemporânea e estudos de internet pela Universidade de Jyväskylä, na Finlândia, e consultor de marketing e comportamento digital no Digitalist Group.)
O papel das redes nas eleições – Paulo Baía (Sociólogo e cientista político)

15:40 – 16:00 – Coffee Break/networking

16h00 – 17h30 – Apresentação de trabalhos

1. BIG DATA

• Big data exploration and information metrics exams: intersections and analysis for supports to decision-making –  Vânia Lisboa da Silveira Guedes 
• Deslocamentos forçados por desastres no Brasil:
a comunicação de risco diante do big data – Cilene Victor
• A utilização de big data para fidelização de clientes 
– Mariana R de Almeida
• Vigilância cega, o que as pegadas digitais podem revelar sobre o indivíduo 
– João Carlos Rebello Caribé
• CROWDLAW – Confecção digital e colaborativa de normas eficientes 
– Allen dos Santos Pinto da Silva Filho (Relatos técnicos)
• Visualização de Dados no Entendimento de Métricas do Negócio – 
Nilton Ueda
• Estudo metodológico para coleta de imagens geolocalizadas no Twitter – 
Tasso Gasparini de Souza

2. CIÊNCIA DAS REDES

• Proximidade ideológica ou pragmática? As coligações eleitorais nas eleições para vereador no Rio de Janeiro (2000-2016)– Philippe Chaves Guedon e Jimmy Medeiros
• Aplicação de centralidades de grafos em competições com eliminatórias no modelo de grupos e “mata-mata”: aplicação na Eurocopa 2016
– Luíza Serra Moreira, José Artur Moraes Vieira, Tulio Rabelo de Albuquerque Mota e João Carlos Correia Baptista Soares de Mello

3. E-SCIENCE E DADOS ABERTOS

• Acesso Aberto a Dados de Pesquisa no Brasil: práticas e soluções tecnológicas – Rafael Port da Rocha e outros (Felicíssimo, C.; Pavão, C.; Borges, E.; Ciuffo, L.; Junior, F. G.; Vanz, S.; Caregnato, S.)
• Avaliação da eficiência da geração de energia solar no Brasil:
uma aplicação da Análise Envoltória de Dados com representação bidimensional – Paulo Ellery Alves de Oliveira, Arthur Arcelino de Brito, Mariana Simião Brasil de Oliveira, Rafael de Azevedo Palhares, Pedro Osvaldo Alencar Regis e Amadeu Lopes de Macedo Júnior
• Recuperação de informação para processos do Ministério Público de Santa Catarina
– Luana da Silva (Relatos técnicos)

4. BLOCKCHAIN E SUAS APLICAÇÕES

• My Health Data – Valeria Queiroz  (Relatos técnicos)

Dia 07 de novembro (quarta-feira)

9:00 – 09:20
Credenciamento

9:20 – 10:30 – Conferência do dia:
Pesquisa em ciência de dados: a experiência do Grand Challenges Explorations.
Maria Paola de Salvo (Representante da Bill & Melinda Gates Foundation)
Guilherme Galvarros Bueno Lobo Ribeiro (Coordenador do Programa de Pesquisa em Saúde – COSAU/CGSAU do CNPq)

10:30 – 11:00 – Coffee-break/networking

11:00 – 12:50
III  Painel – Inovação e Conhecimento: estratégias para a busca da competitividade
Dr. Ed Hoffman –  (Senior Lecturer for the Master of Science in Information and Knowledge Strategy (IKNS) – Columbia University’s School of Professional Studies) (videoconferência)
Como anda o desenvolvimento da inovação nos Parques Tecnológicos Brasileiros? – José Aberto Sampaio Aranha (Presidente da ANPROTEC)
Data Science em Humanidades Digitais – Fernando Ferreira (Cientista de Dados, Empreendedor e Co-fundador da Twist Systems ) 

12:50 – 14:20 – Intervalo para almoço

14:20 – 15:40
Painel IV – A Complexidade das Redes e a Competitividade nas plataformas
As plataformas do capitalismo e o mundo do algoritmo do conhecimentoGiuseppe Cocco (ECO e IBICT/UFRJ)
A eficiência no uso de recursos públicos por meio da tecnologia blockchainGladstone M. Arantes Jr (BNDES)
O papel da conectividade para o compartilhamento do conhecimento científico – Demi Getschko (Diretor-Presidente do NIC.br)

15:40 – 16:00 – Coffee Break/networking

16h00 – 17h30
Apresentação de trabalhos

1. GESTÃO DO CONHECIMENTO

• Implementação da plataforma computacional payoff matrix: uma ferramenta para tomada de decisão sob incerteza – Marcos dos Santos, Angélica Rodrigues de Lima e Carlos Francisco Simões Gomes
• Revisão bibliográfica das aplicações de análise envoltória de dados em jogos olímpicos – Wallace Giovanni Rodrigues do Valle
• Utilizando a programação em blocos na educação como proposta da cultura maker – Míriam Lúcia Barbosa, Giordano Arantes, Jéssica Miranda, Rômulo Franco e Sérgio Ferreira do Amaral
• Criação de um repositório temático no contexto das Humanidades Digitais para gestão da informação – Marcia Teixeira Cavalcanti
• Estado da arte acadêmico como Big Data: análises bibliométricas a partir da base de dados Web of Science – Rafael Augusto de Melo
• KMAP Canvas: uma proposta de prática para mapear conhecimento aplicando design thinking – Larriza Thurler e Camila Pires
•  O desenvolvimento de competência em informação para profissionais gestores/as de dados – 
Melina de Brito dos Santos e Nathália Lima Romeiro (Relatos técnicos)
• Relato técnico sobre cadastro de acesso ao patrimônio genético: procedência do material e escopo de atividade – Poliana Belisário Zorzal (Relatos técnicos)
• A Organização do Conhecimento para a Memória Empresarial: um relato técnico sobre a experiência do Sebrae/RJ – Leandro Pacheco de Melo (Relatos técnicos)
• Orçamento popular: estatística, transparência e tecnologia – Steven Dutt Ross, Alexandre Sousa da Silva, Luciane Ferreira Alcoforado e Orlando Celso Longo (Relatos técnicos)

2. ATIVOS INTAGÍVEIS

• Ativos Intangíveis Culturais e produção de valor em fluxos informacionais – Daniele C. Dantas e Marcos Cavalcanti

17h30 – 18h30
Relato da experiência da elaboração do Livro “SINS 2017 com o relato da construção colaborativa dos alunos de doutorado e mestrado do IBICT e do CRIE.

19:00
Meet Up Social

ORGANIZAÇÃO

APOIO

DÚVIDAS E OUTRAS INFORMAÇÕES
sins@crie.coppe.ufrj.br